Análises Mais Curtidas

  • Capa de The Quarry The Quarry
    no
    Win
    há 1 ano

    Não sei porque ainda não tem nenhuma análise, jogo altamente hypado, talvez deva ser pelo falo dele custar R$400,00 pila. O jogo é bem bacana, jogo de fazer escolhas que vão interferir no final do jogo e na vida ou morde de quase todos os personagens. A História é bem envolvente, você toma decisões óbvias que na verdade parece ser decisões não tão boas de acordo com o jogo. Isso é legal porque a previsibilidade do game não fica tão escancarada. Gostei da história de cada personagem, a forma de como nos sentimos por sermos meio que responsáveis por não conseguir salvar os personagens favoritos, um frustração que afeta você, mas o lado bom é que diferente dos filmes de terror, você pode não escolher as ações mais estúpidas que geralmente se escolhe em filmes de terror. As possibilidades de mudanças de rumo da história são muitíssimas, isso é muito legal. O gráfico e insanamente realista, embora haha um pequeno bug para a versão Windows a qual o jogo perde muito FPS por estar forçando a rodar em 2K, mas no YouTube tem uma forma de consertar isso. O jogo é realmente legal parece que estamos assistindo nossa série de terror favorita.


  • Jogo muito bonito graficamente, nos faz criar a base e fortalece-la para poder dispor de melhoria de armas e equipamentos, os parceiros do jogo, quiet e D dog sao bem úteis. Mas o que peca é o fato de ter perdido sua caracteristica principal do MGS que são as cutscenes que mais parecem um filme que explicam toda a trajetória do protagonista bem como suas missões, ao inves das longas cutscenes, colocaram cutscenes pequenas e as fitas que eu nem tenho paciencia pra ficar tocando, escutando e tentando entender a historia. se ja é dificil de entender a historia de mgs por video imagine por fita. As missões são legais, embora se repita muito a questao de eliminar alguem ou resgatar alguem.

  • Capa de Devil May Cry 5 Devil May Cry 5
    no
    Win
    há 3 meses

    Devil may cry 5 inovou. Vemos claramente que ele tem uma pegada bem forte de Bayonetta, que é por sua vez, outro jogo incrível do gênero hack slash. No PC, ,o jogo é bem fuido e muito bem otimizado. Gráficos muito bem trabalhados. Gostei dos cenários, gostei dos personagens (, não muito do "V"), gostei dos monstros, dos upgrades, dos modos de luta, lembro que esse modo de luta (para o Dante) no devil may cry 3, essa escolhido apenas 1 modo. Já o dmc 5 Tem a opção de utilizar o modo de jogo na cruz, dependendo do inimigo você pode achar as configurações mais adequadas. Esse jogo é divertido. Joguei com meu filho e em nenhuma parte deu vontade de parar, como em outros jogos que já joguei.

  • Capa de Lies of P Lies of P
    no
    Win
    há 4 meses

    Eu não sou perito em nada, em souls like nem nada, vou falar como um jogador qualquer. Eu já zerei Sekiro e Dark Souls 1 remasterizado, talvez não tenho tanta experiência com souls like e tal. Mas a verdade é que eu não gosto do gênero do dark souls, mas muito me agrada Sekiro e Lies of P, tem características que eu gosto, mas não t as características que eu não gosto, por isso Lies of P se torna tão bom. Eu ainda não zerei e acredito nem estar na metade do jogo mas posso dizer que o jogo é bem fluído, história interessante, muitas coisas novas, montar suas armas, subir seu nível, aprimorar sua arma, e o ué mais gostei, mudar sua build pegando todos os pontos e redistribuindo em outros atributos que julgar necessário em alguma parte do jogo, realmente gostei disse pois as vezes vemos que gastamos os pontos em atributos que não te dão tanta vantagem. O jogo não é enjoativo, os inimigos são legais, a dificuldade dos bosses são bem alta, pelo menos para mim eu achei, noa tão alta que fique dias preso no Boss. Jogo no PC e o jogo é muito bem otimizado. Esse jogo para mim consegue ser tão bom quanto Sekiro.

  • Capa de Resident Evil Village Resident Evil Village
    no
    Win
    há 10 meses

    Cara, no início do jogo, bate aquele desespero do horror de sobrevivência, apesar de achar meio tosco essa ideia de lobisomens e tals. Eu parei de jogar por várias vezes, estou na parte que jogamos com o Chris. Cara, esse jogo tem muita quebra, você parece estar curtindo de repente você se vê entediado jogando ele. Comparado ao 7, esse é fraco pra caramba. Até se não fosse um jogo da franquia resident evil acharia fraco. Até a metade do jogo parece ser interessante, depois fica chatão

  • Capa de Stray Stray
    no
    Win
    há 1 ano

    Esta análise contêm spoilers

    Jogo divertido, não é porque temos um gato como personagem principal que o jogo e legal, na verdade, isso trás uma originalidade, mas também a questão de apenas os gatos ter conseguido viver numa sociedade onde os humanos não existem mais, apenas robôs e os bichinhos que matam humanos, robôs e tudo mais. Adorei esse joguinho

Ler todas as análises (23)

Entre no nosso servidor do Discord