Max Payne

Tiro em Terceira Pessoa Feral Interactive 2001

O jogo conta a história de Max Payne, um ex-policial de Nova York que tem a vingança como único objetivo. O motivo? O assassinato da sua mulher e do seu bebê por um bando de traficantes de droga. A atmosfera de Max Payne é repleta de ruelas escuras, prédios abandonados e personagens sinistros. Os vídeos flashback que aparecem de vez em quando, contam a historia de Max Payne e ajudam a entender melhor os motivos da sua luta. O arsenal de armas do jogo é grande e variado. Uma das características mais marcantes de sua jogabilidade é a possibilidade de ativar a câmera lenta nos tiroteios. O efeito visual é muito interessante e faz lembrar das cenas em câmera lenta do filme Matrix.

Critérios de Avaliação

Critério Nota
Áudio
Visual
Jogabilidade
Campanha
Diversão

Avaliadores

Ver todas as avaliações (22)

Análises

Avalie o jogo para escrever uma análise

Foto de Tiago Freitas Tiago Freitas
no
Win
há 4 anos
Eis aí um jogo épico. Inovador em diversos aspectos, cativou uma geração de jogadores e ganhou até uma versão nas telonas estrelada por Mark Whalberg. A história é extremamente cativante e muito bem contada em quadrinhos acompanhados por uma excelente dublagem em português. As frases de feito de Max ajudam o game a se tornar inesquecível, como por exemplo: "Não sei quanto aos anjos, mas é o medo que dá asa aos homens". Os gráficos são excelentes e trouxe um recurso novo para a época que até então só havia sido visto nos filmes da franquia Matrix: o temo de bala. Esse recurso, também de chamado de efeito Matrix é um show à parte e extremamente útil nos confrontos com os inúmeros inimigos. Posteriormente, esse recurso foi usado em jogos como Red Dead Redemption de tão bacana que é... O jogo vale muito à pena e ouso dizer que merece um remake à altura, com a mesma qualidade de dublagem e até os mesmos textos, que são ótimos. Grande jogo, um marco na história dos games.
Foto de Andre Ghigo Andre Ghigo
no
Win
há 5 anos
Um ótimo Jogo. Um dos melhores que eu joguei na época (meados de 2001). Gráficos excelentes para a época, efeitos de partículas e detalhes de texturas muito bons, audios bem peculiares aliados a uma boa jogabilidade, você se sente com liberdade mesmo em um mapa fechado. História muito boa e envolvente (as histórias em quadrinhos com o desenrolar do jogo combinou e deu muito certo). Quando você zera fica com pena e sente vontade de jogar de novo, seja por vício ou para matar a saudade. Vale a pena.

Nota do Game

Nos acompanhe!